quarta-feira, 20 de outubro de 2010

Chez Fabrice

Mais uma vez adquirimos voucher em sites de compras coletivas (se você ainda não conhece nenhum, o Save Me junta todas as ofertas em um lugar só.. facilita a vida.. ;P #ficaadica).

Para expandir nossa procura por lugares bons e culinárias diferentes, compramos cupom do francês Chez Fabrice. Já deu pra ver que a coisa é chique.. xD

Quando chegamos lá tivemos uma certa dificuldade em achar o local pois, além de ser pequeno, a fachada é escura e o valet fica bem em frente, o que não facilita nada.
A decoração é simples, com quadros de cartazes dos anos 50 e 60. O local tem iluminação boa, poucas mesas, o que dá uma ideia de intimidade. A música ambiente era temática e agradável.

Chez Fabrice

O garçom nos ofereceu 2 tipos de cardápio: o A La Carte e o La Formule. O primeiro é o cardápio tradicional onde você escolhe o que quer, e o segundo, por falta de palavra chique o suficiente, é tipo um “combo”, você paga R$ 50,00 pela entrada, o prato principal e a sobremesa, com três opções em cada categoria. Optamos pelo A La Carte porque nenhuma das opções “combo” nos agradava.


O que pedimos:

Sucos (laranja, limão e abacaxi)
Valor: R$ 5,50

Ice tea (pêssego ou limão)
Valor: R$ 5,20


Couvert (pães com manteiga, berinjela e pimenta, patê de ervas)
Valor: R$ 7,00 (por pessoa)




Couvert

Vieram três tipos de pães que eram muito bons, com uma massa leve. Os acompanhamentos vieram em doses pequeníssimas, que dava pra uma pessoa só e sobrou pão, pois a cestinha era bem cheia.

Os pratos não são feitos para dividir – culinária francesa é coisa chique. A apresentação dos pratos é requintada e fina, com o prato decorado.

Filet de ‘thonine’ a la Grenobloise (filé de pintado com alcaparras e manteiga)
Valor: R$ 32,00

Filet de 'thoine' a la Grenobloise

O peixe tinha espinhos em uma parte, o que torna o ato de comer desagradável. Havia, também, muita gordura na carne, o que a deixa meio borrachuda. O peixe tipo linguado é mais gostoso por ser mais leve do que esse (pintado). O prato também veio com um pouco de purê de batata, que estava muito cremoso e saboroso, mas podia ter vindo mais!



Poulet Farci a la Chair Aux Saucesses Et Pistaches (coxa e sobrecoxa de frango recheadas com linguiças e pistache)
Valor: R$ 36,00

Poulet Farci a la Chair Aux Saucesses Et Pistaches

Esse prato também acompanha purê de batata, que veio em uma cumbuca a parte. O purê estava bem saboroso e veio em boa quantidade. O frango estava bem macio e douradinho. Veio pouco recheio de pistache e linguiça, que estavam mais incrustados na carne, mas dava um sabor a mais ao frango.

Para finalizar, passamos para as sobremesas, que demoraram horrores para chegar (mais que o prato principal):

Mille-Fevilles Aux Pommes (mil-folhas de maçãs com creme patissiere)
Valor: R$ 13,00

Mille-Fevilles Aux Pommes

A massa folhada estava bem gostosa, bem crocante e veio geladinha. O açúcar que estava por cima dá um gostinho a mais na sobremesa, que conta também com pedacinhos de maçã bem macios. No geral, o doce é bem gostoso, principalmente pela massa folhada. Podia ser um pouquinho maior e não ser apenas uma tirinha.


Fondant au Chocolat et Glace a la Pistache (petit gateau com sorvete de pistache)
Valor: R$ 14,00

Fondant au Chocolat et Glace a la Pistache

Não entendemos muito porque uma sobremesa que já tem nome francês, estava com um nome mais complexo ainda, talvez para ser mais #phyno ;P
Descobri que não curto muito pistache, pelo menos não nessa quantidade. Apesar de que o pistache deu um azedinho ao bolo e, junto com o chocolate, ficou mais gostoso. Além disso, a calda quente de chocolate deu uma adocicada no sorvete. É uma sobremesa em que os ingredientes se complementam. O sorvete estava meio congelado, meio endurecido demais, não estava tão cremoso. Ou seja, pistache deve ser saboreado em doses homeopáticas e de preferência com chocolate ou algo que mascare seu sabor xD


Nós fomos bem atendidas, os garçons eram bem simpáticos, estavam sempre perguntando se estava tudo bem. O que não curtimos mesmo foi a demora em servirem as sobremesas. O restaurante aceita VR e TR, o que foi uma surpresa agradável e muito bem-vinda (já que não estávamos esperando isso de um restaurante elegante como o francês).

É difícil de estacionar na região, mas eles têm sistema vallet, que custa R$ 15,00.

Caso você tenha a oportunidade, vale a pena conhecer. Você pode optar pela opção de cardápio La Formule que sai um preço razoável para comer num restaurante mais fino.


Chez Fabrice
Localização: R. Mourato Coelho, 1140 – Pinheiros
Site: http://www.chezfabrice.com.br/
Avaliação: Bom

1 comentários:

Anônimo disse...

Gostei da dica, vou conhecer.
E by the way, eles não estavam tentando ser chique, só estavam escrevendo corretamente. Petit Gateau é invenção de brasileiro, na França o nome da sobremesa é Fondant au Chocolat.

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...